Emidio Luisi

Nascido na Itália, começou a fotografar na década de 1970. Trabalhou como fotojornalista para a revista Veja SP e para o Diário do Grande ABC, atuando também em espetáculos de teatro, dança, etnofotografia e ensaios pessoais. Coordenou oficinas de fotografia em diversas cidades brasileiras e foi professor convidado do Curso de Pós-Graduação da Universidade Estadual de Londrina (UEL). Realizou várias exposições no Brasil e no exterior. Recebeu o XI Prêmio Abril de Fotojornalismo (1985), o Prêmio Aberje (1987) e o Prêmio Fotografia da APCA (2011). Participa das coleções de fotógrafos brasileiros do Instituto Cultural Itaú e do Acervo Coleção MASP-Pirelli, Museu da Fotografia dirigido por Silvio Frota. Foi curador do Projeto Caixa & Memórias, do Projeto Caixa Populi e de O Palco de Antunes, 50 anos de teatro – todos em parceria com a Caixa Econômica Federal; e do livro Retrospectiva Fotojornalismo 2000, da Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos. É autor de Ue’Paesà (Fotograma, 1997), Kazuo Ohno (Cosac & Naify, 2003), Ballet Stagium 35 anos (Fotograma, 2008) e, a convite da Fundação Pró-Memória de São Carlos, de São Carlos de todos os povos (Fotograma, 2008) em 2011 lançou o Livro “Fotografia de Espetáculo “ Editora Photos. Realizou também a exposição Paesani, no Sesc Pinheiros. Em 2012, integrou a exposição Ocupação Ballet Stagium, no Instituto Itaú Cultural, a exposição Antunes Filho, poeta da cena, no Sesc Consolação, lançando na ocasião o livro de mesmo nome pelas Edições Sesc Lançou o Livro Kazuo Yoshito Ohno pelas Edições Sesc e foi premiado com 58º Prêmio Jabuti pela publicação, e o Livro Itália Mia ! lançado em Dezembro de 2017, Atualmente fotografa, coordena projetos na área de fotografia e dirige a Fotograma Imagens.

​© Bruna Moreschi

​© Fotograma Imagens